Politica / Economia

Podcast
Minuto da Prosa

Cotação

Cotação do arroz

Previsão do tempo

Clima em alegrete

Soluções Bayer no VII Congresso de Arroz Irrigado

Soluções Bayer no VII Congresso de Arroz Irrigado

Além dos produtos da linha para arroz, a empresa aproveita o Congresso para expor as variedades híbridas Prime CL e o QM1010 CL

O orizicultor do Sul do Brasil, que chega a produzir cerca de sete toneladas por safra, de acordo com dados do Conab (Companhia Nacional de Abastecimento), ganha um grande aliado para aumentar a quantidade e a qualidade de seu arroz. O Rio Grande do Sul, maior produtor nacional do grão recebe o VII Congresso de Arroz Irrigado, que acontece de 12 a 15 de agosto, em Santa Maria, com apresentação do programa Muito Mais Arroz, da Bayer CropScience.

Com foco no produtor, o Muito Mais Arroz oferece soluções integradas que envolvem todo o ciclo do da cultura. Segundo o gerente de Negócios de Sementes de Arroz da Bayer CropScience, Rodolpho Leal, “o diferencial está em oferecer sementes híbridas, mais resistentes e que contribuem para o aumento da produtividade das lavouras”.

No estande da Bayer CropScience, uma equipe especializada da empresa na cultura do arroz estará à disposição do produtor para orientar desde os tipos de sementes híbridas usadas em diferentes áreas, além do portfólio específico, no qual se destacam o inseticida para tratamento de sementes CropStar®, o fungicida Nativo® e o herbicida Starice®.

Segundo Leal, o objetivo da empresa no Congresso é demonstrar como a Bayer pode ajudar o orizicultor a produzir mais e melhor. “O grande diferencial do arroz híbrido como o Prime CL e o QM1010 CL, da linha Arize®, é que eles praticamente podem ajudar a dobrar a produtividade ao final da safra. Tendo por base as sete toneladas por hectare com o arroz comum por safra, já conseguimos atingir uma média de 11,6 toneladas por hectare com o Prime CL, e 13,6 toneladas por hectare como o QM1010 CL”.

Um dos maiores desafios dos orizicultores é produzir cada vez mais em áreas cada vez menores. O arroz irrigado necessita estar inundado praticamente em todo o período da safra, gerando altos custos para a produção. Com o uso de sementes híbridas com melhoramento genético, o tempo de inundação diminui bastante. Leal enfatiza que os híbridos da Bayer possuem também alta resistência ao degrane (grãos que caem quando a planta está madura ou no momento da colheita) e ao acamamento, fenômeno causado pelo vento em que uma planta escora-se na outra dificultando o processo da colheita.

 

Sancionada Lei de autoria do Delegado Zucco que permi...
Aprovado projeto do Delegado Zucco para construção de...
Henrique Dornelles é confirmado Presidente da Câmara ...
© 2024 - Associação dos Arrozeiros de Alegrete - Todos os direitos Reservados